Acará Bandeira Frenatus! Cardume de Neons Lago de Carpas Oscar Peixe Palhaço/Nemo

Apisto agassizi (Apistogramma agassizii)

Os Apistogramma são peixes fascinantes, o corpo dos machos é cinza prateado, com a região dorsal (principalmente na frente) puxando para o castanho; uma bem definida faixa longitudinal escura corta o corpo o meio, indo dos olhos ate o pedúnculo caudal.
A barbatana dorsal, tem sua base escura, seguida de uma fina linha amarela e depois toda vermelho vivo, sendo no final debruada de outra linha amarela clara. Essa barbatana (a dorsal) termina deforma bem pontuda. Barbatana caudal vermelho vivo, as barbatanas peitoral e anal , são cinza prateado.
As fêmeas, têm o corpo todo castanho claro, com a parte ventral um pouco mais clara. Todas as barbatanas são da mesma cor do corpo. Algumas apresentam uma pequena faixa escura partindo da parte de trás dos olhos e indo em direção as barbatanas peitorais.




Nome Popular: Apisto agassizi
Nome Científico:Apistogramma 
família:Cichlidae
Origem:Brasil - Bacia do Rio Amazonas
Sociabilidade:Casal, harém
Comportamento:Pacifico/ Territorial na época de reprodução
pH:6,0 a 7,2
Temperatura:22 a 29ºC
DietaCarnívoro - Aceita muito bem rações secas, ricas em proteínas.
Tamanho do Peixe:8 cm

Reprodução:
Ovíparo, a fêmea irá colocar os ovos em um local escondido que pode ser debaixo de troncos, folhas ou rochas, ou qualquer outro lugar mais discreto. Os ovos eclodem em aproximadamente 48 horas quando mantidos em temperatura mais alta, após dois ou três dias da eclosão os alevinos já consumiram o conteúdo do saco vitelino e começam a nadar.

A fêmea então começa a levá-los para fora da toca, mas sempre sob seu cuidado atento, a partir daí pode-se dar rações específicas para alevinos e alimentos vivos como náuplios de artêmia, conforme os filhotes forem crescendo alimentos vivos maiores podem ser oferecidos.


Atenção: Durante a reprodução recomenda-se usar filtro interno de espuma ou então colocar perlon na entrada de água do filtro externo para evitar sugar os filhotes. À partir de 1 mês de idade os filhotes já podem ser separados da mãe, ou então assim que ela começar a dar sinais que não está mais cuidando deles. Por volta dos 6 meses de idade os filhotes já atingem maturidade sexual e podem começar a reproduzir, mas a coloração final do macho leva mais tempo que isso.

Fonte de informações
Google
Aquaflux
Share:
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações

Publicidade

Postagem Recente